DIA DA TRABALHADORA E DO TRABALHADOR – MENSAGEM DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PSICOLOGIA POLÍTICA

01 DE MAIO DE 2021

Neste 01 de maio de 2021 encontramo-nos em um país marcado por mais de 400 mil mortes pela pandemia da COVID-19. Vidas de trabalhadoras e de trabalhadores, vidas, sobretudo, daquelas e daqueles que antes da pandemia já vivenciavam perdas de direitos com a Reforma Trabalhista Neoliberal do Governo Temer, com a Reforma da Previdência Neoliberal do Governo Bolsonaro. Que antes da tragédia de saúde pública já sentiam maior dificuldade de comprar alimentos básicos para si e para seus filhos e suas filhas, afinal terminamos 2019 com quase 13 milhões de desempregados, o dobro do que tínhamos em 2014, ano em que se iniciou o processo do Golpe de 2016 com o não reconhecimento do resultado da eleição presidencial pelo candidato derrotado do PSDB.

Hoje a luta das trabalhadoras e dos trabalhadores se faz ainda mais importante, pois temos um governo federal que negou e que continua a negar a ciência no combate à pandemia e que pouco se importa com aquelas e aqueles que produzem a riqueza do país. Este governo só se dispôs a pagar um auxílio emergencial em 2020 após pressão da sociedade civil e do Parlamento e retomou este pagamento em 2021 com valores irrisórios, pois defende que o “Brasil não pode parar”, ou seja, que os trabalhadores e as trabalhadoras devem se colocar em risco de contaminação e que os desempregados e desempregadas que se virem para sobreviver.   

Hoje, em razão da grave situação da pandemia no Brasil e, assim, da necessidade de distanciamento social, não podemos, infelizmente, estar nas ruas, mobilizados contra as políticas econômica, sanitária, ambiental, cultural, social “genocidas” do governo federal e a favor do impeachment do presidente da República, responsável por diversas tragédias que vivemos. Deste modo, que possamos conversar – em nossas casas, com os familiares com os quais moramos, com os amigos com os quais falamos por telefone ou pelas redes sociais – sobre política, sobre como as ações do governo federal e daquelas e daqueles que apoiam este governo perturbam nossas possibilidades de bem viver; abalam nossa esperança de vivermos em uma sociedade na qual as pessoas reconhecem umas às outras como iguais e que todas tenham condições dignas para cotidianamente terem a certeza que não terão suas existências ameaçadas; desamparam crianças, jovens e adultos e, assim, prejudicam o alcance das coisas mais essenciais ou pequenas que nos permitem sorrir. Falar de política é pensar sobre nosso cotidiano, sobre o que fazemos nele, sobre como ele é afetado pelas ações dos outros e dos governos, sobre como podemos muda-lo coletivamente, portanto, política é tema para todas crianças, jovens e adultos, sem distinção.

Que neste 01 de maio de 2021, mesmo distantes, estejamos juntos na transformação de ódios em lutas por direitos, de negacionismo em defesa da ciência e do SUS, de conservadorismo em reconhecimento de pluralidade de formas de ser e de viver que não neguem umas às outras, de precariedades da vida em horizontes políticos de sociedade fundamentados em vidas melhores vividas.

Lutemos, lutemos e lutemos! O dia é de luta e na figura das trabalhadoras e dos trabalhadores da saúde, de todos os níveis e hierarquias, de todos os locais de atenção e cuidado, a ABPP homenageia a classe trabalhadora por sua lida cotidiana na produção e reprodução da vida, e nos unimos na construção de um mundo onde possamos viver com dignidade, liberdade e justiça.

Diretoria da Associação Brasileira de Psicologia Política – Biênio 2021-2022

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s